O Centro de Referência de Assistência Social (Cras) Morar Melhor (1º distrito) realizou, nesta quinta-feira (8), a palestra com o tema “Solidariedade é a dor do outro doendo em mim” da Campanha Dezembro Dourado, Mês de Fomentação da Empatia e Solidariedade. A apresentação foi voltada aos beneficiários assistidos pelo Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculo (SCFV).

O psicólogo do Cras Morar Melhor, Rafael Lúcio da Silva, ressaltou que o foco é orientar e ser sensível a ajudar o próximo nas pequenas atitudes. Ele salientou a importância de praticar a solidariedade e incentivar crianças e adolescentes a praticar boas ações desde pequeno.  “É um ato contínuo que pode despertar e potencializar futuros voluntários para causas sociais”.  

A equipe do Cras São Francisco é responsável pelas ações da Campanha Dezembro Dourado, formada pelas assistentes sociais, Edinelma de Oliveira Santana e Cleide Campos Corrêa, e pela psicóloga, Natália de Assis Maximiano. Os trabalhos de divulgação estão voltados para decoração das unidades do Cras, com a cor da campanha, trabalhos de artesanato com grupos do SCFV, e dinâmicas entre famílias.

Dezembro Dourado é referente a cor que simboliza a riqueza, prosperidade e iluminação. Ela desperta a esperança, otimismo e a solidariedade para o ano seguinte. A ação celebra também, no dia 5 de dezembro, o Dia Internacional do Voluntariado.

Fonte/Autor:

Assessoria