Com pouco mais de um mês instalado na área externa do Feirão do Produtor, o Ecoponto criado pelo projeto EcoJipa da Cooperativa de Catadores de Materiais Recicláveis de Ji-Paraná (Coocamarji), já alcança as metas traçadas pelo seu idealizador, Vilton Sanchotene. Até a última semana, mais de uma tonelada de materiais recicláveis já haviam sido depositados no referido contêiner. Outras unidades deverão chegar em outros pontos como escolas e órgãos públicos.

Com objetivo de coletar diversos tipos de resíduos, visando conscientizar as pessoas sobre a importância de se fazer o descarte correto do lixo. O Ecoponto foi instalado na área do Feirão do Produtor do bairro Dois de Abril, primeiro distrito. Segundo o idealizador, Vilton Sanchotene, ele recebe resíduos dos mais diversos tipos. Como papel, papelão, vidros, plásticos de todos os tipos, equipamentos eletrônicos, entre muitos outros, devidamente em compartimentos separados. “Esse projeto, ainda tá no começo, mais já é certeza de muito êxito no meio espaço de tempo”, afirmou Vilton.

Ainda segundo ele, o objetivo é instalar, ao menos, 40 unidades de ecopontos, durante os próximos quatro anos. Ele afirmou que essa primeira etapa, os três primeiros Ecopontos serão instalados na região do primeiro distrito, posteriormente, o projeto ReciclaJipa será levado para a região do segundo distrito. De início, a coleta do material depositado no Ecoponto foi programada para cada 30 dias, mais devido a excelente aceitação, o recolhimento foi reduzido para cada 15 dias.

Segundo o presidente da Coocamarji, Celso Luiz o objetivo despertar as pessoas para uma consciência ambientalmente correta, beneficiando desta forma o município na redução do acúmulo de lixo em lugares impróprios e na quantidade de dejetos despejados no Lixeira Municipal e no Aterro Sanitário.

Ele acredita que o Reciclajipa, também chega para conscientizar as pessoas a ter o hábito da coleta seletiva, gera emprego e renda, o surgimento de indústrias e comércio voltados ao trabalho com lixo, tornando assim, a cidade mais limpa. Para os interessados em conhecer melhor o projeto ReciclaJipa, basta acessar a plataforma digital www.reciclajipa.com.br obtendo todo conteúdo, com um trabalho de consciência ambiental, em parceria com a Coocamaji.

Autor:

Jornal,

Diário da Amazônia